120 ANOS DE GLÓRIAS

Vitória abre comemorações de fundação com missa na Paróquia Nossa Senhora da Vitória

13/05/2019 | 13h07

Uma missa celebrada pelo padre Luís Moreira Simões, na Paróquia Nossa Senhora da Vitória, no Largo da Vitória, deu início na manhã desta segunda-feira (13), às comemorações de 120 anos do Esporte Clube Vitória. As festividades serão encerradas nesta terça-feira (14), com a entrega da Comenda Artêmio Valente, a mais alta condecoração do clube, durante jantar no restaurante do Iate Clube.

Dirigentes, conselheiros e torcedores assistiram à solenidade religiosa na manhã desta segunda. O Vitória foi fundado no dia 13 de maio de 1899, em um casarão no Corredor da Vitória, pelos irmãos Valente, Arthur e Artêmio, que ao retornarem de uma viagem ao exterior, reuniram-se com os amigos para criação desta tradicional instituição de muita honra, glória e conquistas.

O presidente do Conselho Deliberativo, Fábio Mota, e o vice, Antônio Carlos Menezes Rodrigues, e o vice do Conselho Fiscal, César Marianette Braga, representaram o clube no ato religioso. O presidente Paulo Carneiro viajou para apoiar o time no jogo à noite, em Campinas (SP), contra o Guarani.

O ex-presidente do Conselho Diretor, Alexi Portela Júnior, os ex-vices Manoel Matos e Valter Seijo, o ex-presidente do Conselho Deliberativo, Paulo Catharino Gordilho, os conselheiros Hidelbrando Maia, Roberto Watt, Ricardo Nery, Luiz Martins Catharino Gordilho Filho e Heron Matos de Almeida também prestigiaram.

“O clube que nasceu em um dia como o de hoje tem que ser abençoado”, citou o padre Luís Simões durante a homilia, lembrando que 13 de maio é dia de Nossa Senhora de Fátima.

Ao final da celebração, que homenageou ainda a Benedito Dourado da Luz, ex-conselheiro do clube, falecido recentemente, foi cantado parabéns e o hino do Esporte Clube Vitória, emocionando aos presentes.

COMENDA

Os escolhidos para receberem a Comenda Artêmio Valente são o ex-presidente Carlos Palma, in memorium, e o ex-diretor Carlos Tertuliano de Góes.